Intelliplan: consultoria evidencia a importância da inteligência de mercado para micro e pequenas empresas

Como vender mais? Para a consultoria Intelliplan, a resposta para esta que é uma das perguntas mais realizadas por empresários de todos os portes e segmentos está no investimento em conhecimento sobre o mercado. Esse fundamental passo permite acompanhar as mudanças constantes que ocorrem no dia a dia e responder a elas com agilidade.

Além disso, investir em inteligência de mercado permite realizar ações mais certeiras. Atender cada cliente de maneira personalizada tem como consequência gerar ainda mais negócios. Investir nesse diferencial não é apenas tarefa de grandes empresas, mas sim um importante aliado para fomentar negócios das pequenas e médias empresas.

4 motivos para investir em inteligência de mercado

  1. Entender e agir frente às mudanças rápidas do mercado
  2. Acompanhar os concorrentes, para detectar ameaças e oportunidades
  3. Gerar novos negócios
  4. Aumentar a competitividade

Quer saber mais sobre como aumentar a inteligência competitiva de sua empresa e assim vender ainda mais? Confira a entrevista com Bruno Sampaio, estrategista empresarial e CEO da Intelliplan Consultoria Empresarial.

O que vocês oferecem exatamente na Intelliplan? Como funciona?

A Intelliplan é uma empresa de consultoria empresarial focada em micro, pequenas e médias empresas. Nosso trabalho consiste em ajudar essas empresas a melhorar os resultados. Fazemos isso atuando nas áreas de gestão, estratégia e mercado. Todo trabalho que realizamos é desenvolvido tendo em vista a realidade e os objetivos de nossos clientes. Há, portanto, um alinhamento inicial entre a Intelliplan e o cliente e tudo deve ficar muito claro: a realidade em que o cliente vive, o que espera da consultoria, qual será o escopo de trabalho, como o trabalho será avaliado, e assim por diante. Desenvolvemos um trabalho em conjunto com os clientes.

Como a Intelliplan pode ajudar uma empresa a vender mais e melhor? Ou a controlar melhor seus custos de vendas?

Acreditamos que atualmente e cada vez mais com o passar do tempo – e as pesquisas e estudos mais importantes do mercado mostram isso – a competição (e, com isso, as vendas) se dará mais baseada na competência de gestão empresarial e de coleta, análise e uso de dados do que de outra forma. É considerando essa premissa que a Intelliplan ajuda as empresas a vender mais e melhor: melhorando a gestão e ajudando a conhecer o mercado (clientes, consumidores, concorrentes, tendências, riscos, oportunidades, etc.) para que as ações de venda da empresa atendida sejam mais eficazes. E o mesmo vale para controlar os custos de venda. Uma empresa bem gerenciada e com inteligência tem mais eficácia em vendas com menor custo.

Você poderia nos dar um exemplo prático?

Sabemos que em uma empresa tudo está interligado, seja pela própria relação entre departamentos e processos de uma empresa, seja pela tecnologia da informação onipresente. Assim, o desempenho de vendas pode ser afetado não somente pela forma como o departamento de vendas atua e é gerenciado, mas também como os demais departamentos da empresa são gerenciados e se relacionam entre si. Essa é uma das formas que ajudamos as empresas. Melhorar a sua gestão para que o resultado final seja melhorado.

E cada vez mais nosso trabalho tem se voltado para a área de Inteligência de Mercado, ajudando as empresas a competirem em um mercado que passa por transformações profundas num curto espaço de tempo. Atendemos desde empresas que querem monitorar o mercado – e para isso nós acompanhamos e fornecemos dados e análise de qualquer movimento e informação que possa impactá-las – até empresas que buscam descobrir novas oportunidades de atuação e, com tudo isso, melhorar as suas vendas.

Que tipo de empresa pode se beneficiar deste tipo de serviço?

Toda e qualquer empresa. Aqui aproveito para ressaltar dois aspectos importantes. Primeiro, o mundo está passando por mudanças e exigindo das empresas uma nova postura. Algumas empresas vão responder desde já e aproveitar das oportunidades, e outras demorarão anos para mudar. E isso é válido para todas as empresas, de todos os segmentos e portes. A segunda é que é um engano pensar que ter uma boa gestão, incluindo a inteligência de dados, é exclusividade de empresas maiores. Micro e pequenas empresas também podem – e devem – se importar com isso, se realmente querem crescer.

Da mesma forma, que tipo de situação a Intelliplan NÃO se propõe a resolver?

A atuação da Intelliplan Consultoria Empresarial é mais voltada para o nível estratégico e tático do que para o nível operacional. Assim, ajudamos as empresas a traçar planos e estratégias, compreender o mercado, encontrar oportunidades, mitigar riscos e até mesmo a elaborar planos de ação gerenciais e operacionais. Não atuamos com a execução, apenas acompanhamos e damos o suporte estratégico necessário.

Quais são os erros mais comuns que você vê as empresas cometendo em relação a este assunto específico ou nesta área em que a Intelliplan se propõe a ajudar?

Infelizmente, se tratando de gestão, conhecimento de mercado e uso estratégico de dados as micro, pequenas e médias empresas têm ainda muito o que evoluir. São muitas as oportunidades deixadas de lado e os riscos que as empresas correm por não cuidarem dessas questões. O mesmo podemos dizer com relação às vendas: as empresas querem competir sem possuir o conhecimento e a estratégia adequados. Muitas empresas, infelizmente, ainda consideram perda de tempo parar, estudar e planejar. Consideram que está “tomando tempo e recursos” que poderiam ser utilizados para vender. Mas fazem isso sem perceber que os resultados de vendas poderiam ser muito melhores com uma ação mais planejada e estruturada.

Dessa lista de erros, qual você considera o mais grave? Por quê?

Considerando o mundo atual e o que está por vir, o mais grave é querer competir sem o conhecimento necessário, sem análise, sem estudo, sem estratégia. E isso revisado e alimentado continuamente. Em um mundo onde cada vez mais os produtos e serviços se tornam semelhantes e o número de concorrentes só aumenta, e ao mesmo tempo a quantidade de informações disponíveis cresce exponencialmente e se torna cada vez mais acessível a todos, o que diferenciará uma empresa não é o seu produto ou a sua exclusividade. É a capacidade de ofertar de produtos e serviços de uma maneira inteligente e planejada.

Imagine que uma empresa está preocupada em implantar melhorias em relação a este assunto. Por onde começar? De maneira sucinta e objetiva, quais as principais recomendações?

O primeiro passo é reconhecer as próprias deficiências e os desafios que está enfrentando. Enquanto uma empresa (e aqui me refiro aos seus sócios, diretores e gestores) acreditar que já está fazendo da melhor forma e enquanto ela não decidir e agir para implantar melhorias, nada mudará.

Ter coragem e atitude para olhar para a própria empresa, diagnosticar o que está errado e o que pode melhorar – confrontando com a realidade atual do mundo e com aquela que está logo será vigente – é o primeiro e mais importante passo.

Depois disso vêm as perguntas: “Consigo implantar essas melhorias sozinho e com os recursos e conhecimentos que possuo? Em quanto tempo colherei os frutos?”. E então, se a empresa julgar que com o auxílio de uma consultoria os resultados podem ser alcançados num prazo e numa forma melhor, não hesite em contratar. O que importa, no fim das contas, é melhorar os resultados.

Qual o seu diferencial em relação a outros possíveis concorrentes? Por que vocês são diferentes?

Vou aqui me limitar a três aspectos. Primeiro, estamos há 10 anos no mercado e nascemos para atender micro, pequenas e médias empresas e permanecemos nesse foco. Ou seja, de fato entendemos da realidade dessas empresas, não somos uma empresa e consultores que entendiam de grandes e multinacionais e decidiram atuar com empresas menores. Segundo, trabalhamos com foco no resultado, não em vender nossas horas de trabalho. E terceiro, desde o início da empresa atuamos com Inteligência de Mercado e Estratégia Empresarial, assuntos em evidência nas empresas hoje e que já trazemos anos de experiência.

Com tanta experiência na área, quais dicas ou informações você vê sendo dadas pela mídia sobre esse assunto com as quais claramente não concorda?

Creio que é fundamental para todo empresário e gestor estar atualizado com os movimentos da economia e da política. Trata-se de algo real e presente. Porém, não pode ser determinante. Existem as empresas que olham para o cenário macroeconômico e permitem que ele defina a sua caminhada. Há outras que, conhecendo o cenário macroeconômico e olhando para o que está acontecendo no mundo em termos de tendências, tecnologia e transformações, focam em se tornar melhores. Creio que essa segunda postura é a correta. Vejo, entretanto, muitas empresas focadas em entender o hoje e sem perceber que o amanhã (aquilo que está por vir e que traz muitas oportunidades) está ficando de lado.

Algum último comentário que queira fazer para os leitores da VendaMais?

Conheçam o mercado e as mudanças que estão por vir. Façam isso de maneira contínua. Traçam planos e estratégias fundamentados em estudos e análises. E, assim, vendam de maneira consistente.

Para saber mais

Acesse o site: www.intelliplan.com.br

Leia também: