Empresa aumenta sua produtividade em 40% com automatização em vendas

Qual o potencial para aumento de produtividade de sua equipe de vendas ao automatizar processos? A fabricante e distribuidora de doces, lanches e pipocas Popular Alimentos conseguiu aumentar em 40% a média de pedidos obtida por seus 70 vendedores. Com a maioria da equipe formada por vendedores com mais de 20 anos de casa, a empresa vinha enfrentando dificuldades para automatizar processos. Os vendedores até tentavam fazer uso de ferramentas digitais no dia a dia, mas vez e outra ainda recorriam a caneta e papel. O motivo eram os falhas operacionais e informações divergentes do antigo sistema de força de vendas usado pela distribuidora.

Com o objetivo de automatizar 100% a dinâmica do pedido de venda, a Popular Alimentos implementou a solução maxPedido. Desenvolvida pela empresa Máxima Sistemas, companhia de tecnologia móvel para força de vendas, e-commerce, trade e logística para o setor atacadista e distribuidor, a nova ferramenta propiciou mais agilidade na hora de realizar os pedidos. Além disso, disponibilizou de forma fácil de entender e colocar em prática um leque de informações tributárias e cadastrais.

A Popular Alimentos também contratou outras duas soluções. A maxGestão, que atualiza o gestor comercial com status de visitas, lucratividade de pedidos, autorizações de desconto, relatórios, acompanhamento e auditoria das atividades de todos os vendedores que estão na rua. E a maxPromotor, para acompanhamento da jornada de trabalho do profissional que atua no ponto de venda. Esta última permite medir o tempo que cada promotor permanece em um cliente e confrontar essa informação com o custo, o tempo e o valor de vendas. O objetivo é medir a viabilidade de ter um promotor em cada ponto de venda específico.

Conheça a seguir a história da Popular Alimentos, na entrevista com José Maria de Carvalho, sócio-presidente da Popular Alimentos.

Vamos começar pelo começo: como e quando surgiu a Popular Alimentos?

José Maria de Carvalho, sócio-presidente da Popular Alimentos

A história da Empresa Inap – Indústria Alimentícia Popular Ltda. começa em 1974, quando foi fundada a Fábrica de Doces Popular Ltda., em Arapiraca, município do Estado de Alagoas, pelo pernambucano Sebastião Alves da Silva.

Em 1999, devido à falta de espaço físico, a Empresa Doces Popular transfere sua unidade para a Rodovia AL 220, na mesma cidade de Arapiraca. Buscando sempre inovar e aumentando seu mix de produtos e capacidade produtiva, mais uma vez a empresa transfere sua unidade, em 2014, até então localizada, para o município de Limoeiro de Anadia. Etapas realizadas já sob o comando de José Maria de Carvalho Alves e Expedito de Carvalho Alves, filhos do fundador. Neste período, a indústria aumentara a quantidade de produtos industrializados, responsáveis pelas marcas: Doces Popular, Popcroc, Paçocroc, Betti, Maluquinho e PopShow.

Atualmente, sua unidade industrial apresenta uma área total de 45 mil m2, onde 9 mil m2 são área coberta.

Quem é seu público-alvo e como vocês se diferenciam de outras empresas da área?

Supermercados, mercadinhos, mercearias, atacados, bombonieres. Nossos produtos são fabricados com qualidade e nossa logística é bastante ágil.

Vocês têm Missão, Visão, Valores bem definidos? Se sim, quais são?

Missão

Atender às expectativas e desejos de nossos clientes, oferecendo produtos de qualidade, e que possam estar presentes em cada momento da vida de nossos consumidores.

Visão

Ser referência no mercado em que atuar pela qualidade e credibilidade de nossos produtos e uma das melhores empresas do Nordeste para se trabalhar.

Valores

  • Ética
  • Inovação tecnológica
  • Valorização do colaborador
  • Comprometimento
  • Satisfação dos consumidores
  • Ética e transparência
  • Valorização dos talentos
  • Comprometimento e competência
  • Ousadia e inovação
  • Segurança sustentável

Quais foram as maiores dificuldades nestes últimos dois anos, com a economia em recessão?

Alguns aumentos de matérias-primas e outros produtos que interferem no preço dos produtos, como frete, por exemplo. Além disso, houve um período que a inadimplência aumentou um pouco e alguns clientes passaram por grandes dificuldades, enquanto outros, infelizmente, encerraram suas atividades.

Quais foram os principais sinais de sucesso que começaram a aparecer, mostrando o acerto da estratégia e modelo de negócio da Popular nestes últimos meses?

Investimento em ferramentas de gestão, treinamento de nossos colaboradores e políticas de negociação.

O que vocês fazem que é totalmente diferente da maior parte dos concorrentes?

Apesar de sermos indústria, temos um setor de logística eficiente, onde conseguimos realizar entregas de pedidos realizados em um dia anterior, dentro do estado de Alagoas. Além disso, nosso setor de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), alinhado com o setor comercial, busca oportunidades constantemente, aumentando nosso mix de produtos em diversos segmentos.

Especificamente em relação a Vendas (que é nosso foco na VendaMais), como vocês treinam a equipe comercial para reforçar seus diferenciais e não cair na guerra de preços?

Logo após admissão, nosso vendedor já recebe um treinamento para conhecer nossos produtos, visita a indústria e o sistema de força de vendas que irá trabalhar. As equipes se reúnem quinzenalmente (pessoalmente) com seus respectivos supervisores de vendas, a fim de alinhar as dificuldades encontradas e novas oportunidades. Desenvolvemos continuamente, também, a capacidade de liderança e estratégia com supervisores e gerentes de vendas, por meio de cursos, palestras e processos de coaching.

O que vocês têm feito de especial para atrair novos clientes e que tem funcionado bem?

Atendemos aos clientes com profissionais qualificados, que buscam entender as necessidades dos mesmos. Além disso, oferecemos nosso ágil serviço de logística, não esquecendo de mencionar a qualidade de nossos produtos.

E em termos de fidelização de clientes, algo em especial que façam para que os clientes continuem comprando ou fazendo negócios com vocês?

Credibilidade e confiança nos produtos e profissionais da empresa.

Existe algo que era feito antes e que vocês PARARAM de fazer, por mais dura que fosse a decisão, para atualizarem seu modelo de negócios?

Alguns colaboradores que não se adequaram ao novo modelo de negócio da empresa, precisaram ser substituídos e o tipo de venda que antes era pronta-entrega passou a ser pré-venda para melhorar a qualidade logística.

Em quais áreas da empresa foram feitos os principais investimentos nesse processo de crescimento da Popular? Não só em termos de dinheiro/investimentos, mas revisão de processos, aumento de eficiência, etc. Ou seja, onde foi colocado mais foco e energia?

Investimentos em equipamentos para a produção, tecnologia da informação e treinamentos para pessoal e profissional.

Quais os próximos passos? Ou seja, o que estão planejamento para o futuro? Qual o próximo grande objetivo?

Ampliar o mercado de atuação a nível nordeste.

Que conselhos daria para um empreendedor pensando em iniciar um projeto pessoal mas ainda relutando se começa (arrisca…) ou não?

Elaborar um planejamento, pesquisar o mercado e que no segmento que for atuar, seja algo que se identifique.

Existe algum livro, vídeo, filme, pessoa que mais influenciou sua trajetória pessoal/profissional e que você recomendaria para pessoas que querem resultados melhores?

A inspiração veio da força de vontade da família, principalmente de meu pai, Sebastião. Um livro que indicaria no âmbito liderança é O Monge e o Executivo.

Para saber mais:

Leia também