Clientar desenvolve software CRM pensado de vendedor para vendedor

No começo da carreira de Paulo Araújo, um antigo chefe lhe deu um conselho simples, que o empreendedor carregaria por toda a vida. Sem organização não se vence na vida! A dica o ajudou não apenas a obter uma melhor performance como vendedor, palestrante e administrador de empresa. Trouxe também uma ideia de negócio para ajudar outras equipes de vendas a prosperarem. Um software CRM, pensado de vendedor para vendedor.

Prestes a celebrar 8 anos da empresa Clientar, Paulo Araújo conta sobre os diferenciais da ferramenta desenvolvida para atender o mercado nacional. Com uma plataforma ágil, eficaz e amigável, o CRM permite fazer um acompanhamento periódico dos clientes, evitando perdê-los pela simples falta de atendimento. Ajuda também cada vendedor a ser mais produtivo e organizado, conseguindo atender mais clientes com qualidade e informações assertivas.

Confira neste vídeo gravado com exclusividade para a VendaMais 4 passos indicados por Paulo Araújo para considerar na hora de escolher um software para vendas:

O principal ganho ao utilizar um CRM, na visão do empreendedor, está da implantação de um método de vendas para a empresa. A ferramenta contribui para um dia a dia mais efetivo da equipe de vendas, além de oferecer um norte para treinamentos e metas. Leia a seguir a entrevista concedida por Paulo Araújo ao diretor da VendaMais, Raúl Candeloro.

Olá Paulo, tudo bem? Prazer em falar com você e poder entrevistá-lo para a VendaMais. O que vocês oferecem exatamente na Clientar CRM? Como o seu serviço é diferente das outras empresas similares no mercado?

Olá Raul e amigos da VM, obrigado por esse espaço. A Clientar CRM é mais do quem software, é um Método de Vendas! É um software muito fácil de usar, online e com valor muito acessível para qualquer tamanho de empresa. Nosso maior diferencial é a gestão da carteira de clientes.

Em nosso método, acreditamos que uma empresa só consegue aumentar as vendas se dedicar tempo, conhecimento e esforço em três categorias de clientes. São eles:

  • Prospect: cliente que nunca comprou.
  • Inativo: cliente que está sem comprar há determinados dias. Para isso, o gestor deve configurar esse prazo no Software de CRM. Exemplo: 60 dias.
  • Ativo: comprou dentro do prazo configurado. Exemplo: nos últimos 60 dias.

O método Clientar faz a gestão automaticamente desses perfis. Ainda temos uma ferramenta de follow up muito eficaz para que nenhum cliente fique esquecido. E para completar, nossos relatórios são todos voltados para que o gestor e o vendedor mantenham o foco no resultado e aumentem as suas vendas.

Paulo Araujo - CRM para vendas

Paulo Araujo: fundador da Clientar. Empresa desenvolveu CRM para vendas

Na VendaMais somos 100% focados em vendas. Como a Clientar CRM pode ajudar uma empresa a reduzir custos de vendas, melhorar seu faturamento ou melhorar o atendimento a clientes? Pode compartilhar com a gente alguns casos de sucesso?

Nosso software foi desenvolvido por vendedores. Isso trouxe muito da realidade de quem está no campo para a nossa equipe de desenvolvimento. O sistema é totalmente focado nas etapas das vendas e na gestão do tempo do usuário. Ele reduz os custos operacionais e melhora a comunicação entre os setores da empresa. Possui relatórios e um dashboard desenvolvido para que o vendedor não deixe nenhum cliente fora do tempo padrão de atendimento estabelecido, bem como, o acompanhamento das propostas em aberto.

No site www.clientarcrm.com.br temos vários depoimentos de clientes que contam a experiência com a nossa ferramenta.

Que tipo de empresa pode se beneficiar deste tipo de solução?

O software foi desenvolvido especialmente para empresas que fazem vendas consultivas, técnicas, muitas vezes repetitivas, por meio de representantes comerciais, vendedores externos ou televendas.

Já temos centenas de clientes pelo Brasil, em sua grande maioria empresas que realizam vendas que demandam uma grande atenção e uma análise mais detalhada do cliente. Como exemplo, temos como clientes indústrias de vários portes, prestadores de serviços e representantes comerciais, em diversos segmentos do mercado.

Da mesma forma, que tipo de situação a Clientar CRM não se propõe a resolver?

O software não é adequado para empresas que tem equipes de vendas que trabalham com rotas e fazem muitas visitas diariamente. Tampouco para empresas que façam vendas mais no balcão ou lojas com alto giro de pessoas. O varejo tradicional, onde a venda é pouco técnica, consultiva e de giro rápido não é nosso foco.

Quais são os erros mais comuns que você vê as empresas cometendo em relação às suas iniciativas de usar tecnologias de ponta para a área comercial?

Ao meu ver é não fazer uso da ferramenta como avaliação do desempenho e não treinar a equipe para transformação a informação em planos de vendas.

Muitas vezes, sinto a empresa refém do vendedor. “Fulano vende bem, mas não usa o software”.

A empresa faz vista grossa e deixa para lá, porque, por vezes, o usuário tem dificuldade em lidar com a tecnologia ou simplesmente acredita que está sendo controlado e resiste à novidade.

Quando o gestor usa a ferramenta em suas reuniões de vendas e se comunica com o vendedor via esse software, o usuário sente que o negócio é para valer e, aí sim, funciona.

Dessa lista de erros, qual você considera o mais grave? Por quê?

Não ensinar a usar o software como método de vendas. O software traz muitas informações, mas informação sem ação não é nada.

Exemplo: nosso CRM traz relatórios da Curva ABC de clientes prospect, ativos e inativos, e ainda por cima temos vídeos de vendas que explicam a teoria.

É triste de ver que são poucos os que acessam os treinamentos e, muitas vezes, sequer sabem o que é Pareto. A curva ABC é uma fantástica ferramenta de vendas! Em minhas consultorias, uso muito e funciona muito bem.

Esse é só um exemplo. Tem muita coisa que o vendedor poderia usar para mudar a própria atuação, mas muitas vezes é difícil sair da zona de conforto.

Imagine que uma empresa está preocupada em implantar melhorias em relação a este assunto (tecnologia na área comercial). Por onde começar? De maneira sucinta e objetiva, quais as principais recomendações?

Tenho cinco recomendações para quem pretende contratar um CRM. São elas:

  1. Usabilidade

Lembre-se, o CRM é o software para uso do vendedor! Sendo assim, verifique se a plataforma possui um design amigável e simples.

  1. Relatórios que ajudem a criar estratégias e planos de ação

O vendedor precisa ter acesso a relatórios que levem à tomada de decisão e elaboração de estratégias de vendas.

  1. Suporte do fornecedor do CRM

Escolha um Software de CRM que, além de atender suas necessidades, também possua uma equipe especializada que possa te auxiliar rapidamente.

  1. Possibilidade de integração com o seu ERP

Caso sua empresa emita muitos pedidos diariamente, você pode integrar as duas ferramentas.

  1. Preço não pode ser o diferencial

Pesquise e encontre um software de CRM que caiba em seu orçamento, mas que realmente possa trazer novos resultados.

Eu garanto que o CRM bem utilizado aumentas as vendas e o retorno do seu investimento é certo. Até porque, hoje você encontra softwares de CRM com valores de licença mensal muito acessíveis.

Com tanta experiência na área, quais dicas ou informações você vê sendo dadas pela mídia sobre o assunto do uso da tecnologia nestas áreas específicas que comentamos acima com as quais claramente não concorda, que acha exageradas ou apenas modismos que passarão?

Algumas vezes a informação fica mais na divulgação do visual da ferramenta do que em sua utilidade. É preciso divulgar como essa ferramenta ajuda a equipe de vendas a vender mais, e não só o visual moderninho. Mas, de uma forma geral, revistas e sites especializados têm ajudado muito as empresas a conhecerem essas ferramentas de gestão.

Onde uma pessoa que quiser saber mais sobre a Clientar CRM pode encontrar informações e tirar dúvidas?

Em nosso site você encontra todas as informações, ganha um e-book sobre o Método Clientar e ainda pode fazer um WebTour e lançamentos em nossa ferramenta. Basta visitar: clientarcrm.com.br.

Algum último comentário que queira fazer para os leitores da VendaMais?

A dica final é pesquisar muito, ligar para o fornecedor quantas vezes for necessário e fazer simulação na ferramenta dentro da sua realidade.

Mostre o software para sua equipe de vendas, envolva as pessoas no processo decisório. Realize muito treinamento, durante e após o período de implantação. Tenha muita dedicação em explorar a ferramenta para sua empresa fazer a diferença junto aos seus clientes, e claro, melhorar os seus resultados.

Leia também