Jovem casal cria franquia de moda cristã e executiva Saia Bella

Atualmente, 25% da população brasileira é evangélica. Número que poderá subir para 39% de acordo com estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). E mais: as mulheres representam 60% desta população. Dados como esses motivaram o casal de evangélicos Renan Santos e Simone Carvalho a dar início à Saia Bella, a primeira franquia de moda evangélica e executiva do país.

Com numerações que vão de 36 ao 52, a franquia de moda busca atender de forma mais ampla possível o público cristão, seja por meio de seu e-commerce ou das franquias localizadas nos estados Amapá, Alagoas, Goiás, Mato Grosso, Paraíba, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e São Paulo.

No total, são quatro modelos negócios, que vão de R$ 24.900 a mais de R$ 300 mil. Inicia pelo Personalitté, que dispensa ponto fixo. O Boutique envolve ponto comercial até 60m², em cidades com até 300 mil habitantes. E por fim, o Store, com ponto de até 100m², e o modelo Shopping, com até 70m². Confira mais sobre a Saia Bella, nesta entrevista com Renan Santos, um dos fundadores da empresa.

Casal de empreendedores da Saia Bella: Renan e Simone

Como e quando surgiu a Saia Bella?

A Saia Bella surgiu em 2015, quando eu e minha esposa, Simone, tivemos a ideia de trabalhar com peças que apresentassem os padrões e costumes de nossa igreja, pois era difícil encontrar em shoppings e lojas.

Quem é seu público-alvo e como vocês se diferenciam de outras empresas da área?

Nosso público é a mulher evangélica e executiva. Estamos sempre inovando e a criação/diferenciação está em nossa veia como empresa.

Vocês têm Missão, Visão, Valores bem definidos? Se sim, quais são?

Missão: encantar e facilitar a vida de todas as mulheres que apreciam a moda evangélica e executiva.

Valores: manter de maneira fiel a Moda Evangélica, cumprindo à risca os padrões pré-estabelecidos, sem perder a feminilidade da mulher cristã.

Objetivo: ser pioneira e referência de qualidade e atendimento, tornando-se a maior rede de vendas da Moda Evangélica no Brasil.

Quais foram as maiores dificuldades nestes últimos dois anos, com a economia em recessão?

Manter a qualidade da peça reduzindo os custos.

Quais foram os principais sinais de sucesso que começaram a aparecer, mostrando o acerto da estratégia e modelo de negócio da Saia Bella nestes últimos meses?

O case de sucesso de nossa franqueada Pollyana, que começou como uma personnalite (vendas porta a porta) e agora conquistou sua loja própria.

Especificamente em relação a Vendas (que é nosso foco na VendaMais), como vocês treinam a equipe comercial para reforçar seus diferenciais e não cair na guerra de preços?

Já fui vendedor de carro, sei e prezo 100% a área comercial. Com a minha experiência em vendas, elaboramos treinamentos de vendas e atendimento com foco na prática e dia a dia, pois não vendemos roupas, vendemos um estilo de moda feminina!

O que vocês têm feito de especial para atrair novos clientes e que tem funcionado bem?

Pionerismo em rede em nosso nicho. Trabalhamos e focamos muito nas redes sociais e conversamos com todas as classes e idades.

E em termos de fidelização de clientes, algo em especial que façam para que os clientes continuem comprando ou fazendo negócios com vocês?

Sim, muito trabalho no Whatsapp e CRM.

Existe algo que era feito antes e que vocês PARARAM de fazer, por mais dura que fosse a decisão, para atualizarem seu modelo de negócios?

Sim, paramos de dar muitos descontos em nosso site. Vimos que este caminho torna a cliente muito acostumada a esperar peças em liquidação.

Em quais áreas da empresa foram feitos os principais investimentos nesse processo de crescimento da Saia Bella? Não só em termos de dinheiro/investimentos, mas revisão de processos, aumento de eficiência, etc. Ou seja, onde foi colocado mais foco e energia?

Produção e criação.

Quais os próximos passos? Ou seja, o que estão planejando para o futuro? Qual o próximo grande objetivo?

Saia Bella: vestido branco, moda cristãNosso próximo objetivo é uma nova fábrica.

Que conselhos daria para um empreendedor pensando em iniciar um projeto pessoal mas ainda relutando se começa (arrisca…) ou não?

Vai ser difícil, vai ser doloroso, muitos serão contra. Mas a conquista, a liberdade e o resultado valem a pena. Vá em frente! Persista!

Existe algum livro, vídeo, filme, pessoa que mais influenciou sua trajetória pessoal/profissional e que você recomendaria para pessoas que querem resultados melhores?

Muitos! Um que vale muito a pena assistir é o “Fome de poder”, sobre a história da franquia Mc’Donalds.

Algum comentário final que gostaria de fazer para nossos assinantes e leitores da VendaMais?

Sim, venda é tudo! É o herói da empresa, é através da venda que desenvolvemos todas outras áreas. É o autor principal, é isso que faz o crescimento e é isso que vai levá-lo bem longe! Hoje estou empresário, mas sou um eterno vendedor! Foque nas vendas, VendaMais!

Para saber mais

Leia também: