A importância do treinamento no varejo multicanal

Com todas as mudanças ocorrendo no varejo, é necessário estar atento para que as suas vendas não caiam.

Para os lojistas, sempre foi importante ter vendedores bons e bem treinados, mas a crescente variedade e o tamanho da competição no varejo estão fazendo com que isso seja imprescindível. Se é mais conveniente comprar através de catálogos, redes de vendas a domicílio ou pela internet e à medida que essas opções ficam mais acessíveis, fáceis de usar e menos ?ameaçadoras?, os consumidores passam a utilizar cada vez mais esses serviços.

Na verdade, esses multicanais funcionam como instrumento de fortalecimento das relações com o cliente e como ferramenta para gerar tráfego nas lojas físicas. Nessa ótica, transcende a questão de comércio propriamente dito e percebe-se uma grande mudança cultural da história da humanidade. Nesse sentido, não importa se a loja é tradicional ou virtual, mais do que nunca é necessário conhecer o cliente. Mais do que isso: o cliente precisa sentir-se tão bem na sua loja a ponto de pensar que seu concorrente não é capaz de tratá-lo com a mesma cortesia e atenção.

Com as inúmeras opções existentes, os lojistas tradicionais precisam estar bem cientes dos fatores que podem tornar a compra em suas lojas mais atraentes para os consumidores do que a escolha de um método novo, alternativo.

Por isso mesmo, o varejo exige cada vez com mais intensidade um profissional de vendas com habilidade para entender os reais problemas do cliente e realmente interessado em resolvê-los. A palavra-chave nesse jogo de conquista é a interatividade, que deve estar presente tanto na preparação das equipes quanto no planejamento do atendimento que será dedicado ao consumidor. Se o contato pessoal é o que o consumidor aprecia em uma loja tradicional, é melhor treinar seus vendedores para tornar gratificante a experiência do cliente.

Você precisa certificar-se de que está capitalizando essas vantagens e não ignorando-as ou mesmo, transformando-as em desvantagens, ao permitir que sua equipe preste um atendimento inadequado.

Agora, mais do que nunca, os lojistas têm de trabalhar para construir e manter o apelo do varejo tradicional.