upLexis: utilize a força do big data na tomada de suas decisões

Pautar decisões com base em achismos pode ser mais do que custoso para a sua empresa: pode ser perigoso. Uma estratégia mal empregada vai além de desperdiçar investimentos em marketing e vendas. Leva também tempo e energia da equipe. Por isso, investir no aprimoramento da eficiência da sua empresa é algo para incluir à sua rotina.

upLexis é uma empresa especializada em tecnologias para análise e interpretação de grandes volumes de dados, ou no jargão da área, o big data. Desde informações extraídas da internet até outras bases de conhecimento, toda informação relevante desempenha um papel fundamental para a tomada de decisão.

Para entender mais sobre como utilizar as informações que estão à disposição da sua empresa a seu favor, pautando decisões estratégicas, conversei com Eduardo Tardelli, CEO da upLexis. Confira a seguir onde extrair informações e como torná-las de fato úteis ao seu negócio.

Conte um pouco sobre a upLexis. O que ela faz exatamente?

A upLexis é uma empresa especializada em tecnologias para análise e interpretação de grandes volumes de dados (big data), extraídos da internet e de outras bases de conhecimento. Através de uma solução completa, a upLexis disponibiliza informações relevantes. Proporcionamos a melhor experiência para que seus clientes invistam o seu tempo no que realmente importa: boas decisões. Entre os clientes que usam os serviços de inteligência da empresa estão grandes corporações, como a Deloitte, PWC, Grupo Pão de Açúcar, Microsoft, Banco Itaú e Ambev.

Como isso pode ajudar uma empresa a vender mais e melhor?

A upLexis consulta de forma automatizada diversas fontes de dados na internet. Capturamos dados sobre pessoas físicas e jurídicas, cruzando todas estas informações e apresentando o melhor cenário para o tomador de decisão. Sempre consideramos o melhor risco envolvido na interação com um possível novo cliente, funcionário e fornecedor. Também minimizamos custos com possíveis fraudes, contratações erradas e fornecedores irregulares. Além disso, a upLexis auxilia seus clientes na prospecção de novos leads, considerando tecnologias de big data e geolocalização através de sua solução upMap.

Você poderia nos dar um exemplo prático?

Imagine que uma empresa de software para advogados queira mapear seu mercado consumidor como o de escritórios de advocacia em qualquer cidade ou região do Brasil. Seu público alvo consiste somente em escritórios que faturam acima de X milhões de reais por ano. Após informar ao upMap tais parâmetros, em segundos todos os escritórios de advocacia do Brasil são listados em uma interface gráfica de mapas com geolocalização. E contém todas as informações de cada um destes leads, desde endereço, dados para contato, etc. Tudo em um simples clique de mouse.

Que tipo de empresa pode se beneficiar desse tipo de serviço?

Qualquer empresa que queira usufruir do poder do big data e tomar melhores decisões baseadas em informações e não mais em “achismo“. Iniciamos nossas atividades no mercado financeiro e nos escritórios de advocacia. Porém vários outros setores da economia passaram a demandar pelos nossos serviços, tais como construção civil, empresas de auditoria e consultoria, varejo, indústria e governo.

A upLexis comercializa suas soluções através de planos de assinatura. Inicia em R$ 800,00 reais/mês, ou seja, acessível a qualquer pequena, média ou grande empresa. Atualmente a upLexis conta com diversos tipos de clientes, desde micro até grandes empresas.

Da mesma forma, que tipo de situação a upLexis NÃO se propõe a resolver?

A upLexis não toma a decisão final pelo cliente. Nós oferecemos a solução tecnológica para buscar, organizar, apresentar e armazenar as informações relevantes ao tomador de decisão para que o mesmo possa decidir o melhor caminho a tomar.

Quais são os erros mais comuns que você vê as empresas cometendo em relação ao uso de dados e informações para tomada de decisões?

  • Processos manuais de busca de informações
  • Bases de dados desatualizadas ou ineficientes contendo informações de clientes, fornecedores e funcionários
  • Falta de padronização na busca por informações
  • Carência e falta de conhecimento no uso da tecnologia de big data

Dessa lista de erros, qual você considera o mais grave? Por quê?

A qualidade da informação é essencial para a melhor tomada de decisão. Ou seja, banco de dados contendo informações desatualizadas ou incompletas de clientes, funcionários e fornecedores levará a decisões equivocadas, aumentando o risco de perdas, fraudes e retrabalho. Na era digital, as empresas que tiverem acesso às melhores informações sairão na frente. E a upLexis pode ajudar exatamente na busca automatizada destas informações.

Uma empresa que está preocupada em implantar melhorias em relação a este assunto deve começar por onde? De maneira sucinta e objetiva, quais as principais recomendações?

Primeiramente a empresa deverá levantar internamente os motivos pelo qual a base de dados está desatualizada ou incompleta. Muitas vezes o processo de atualização inexiste ou mesmo não funciona. Conhecendo as dores internas, a empresa deverá então buscar tecnologias de big data para auxiliar e automatizar procedimentos manuais, incluindo a solução upMiner da upLexis.

Com tanta experiência na área, quais dicas ou informações você vê sendo dadas pela mídia sobre esse assunto com as quais claramente não concorda?

A mídia adora dar ênfase a empresas startups de big data com sócios jovens e com aporte de capital (principalmente quando é de fundos de investimento internacionais), muitas vezes com pouca ou nenhuma experiência de mercado. Este é o modelo de sucesso que a sociedade empreendedora atual alveja. Porém, muitas vezes, uma startup não possui estrutura física e pessoal, conhecimento, gestão ou mesmo musculatura financeira para atender as demandas envolvendo big data versus as complexidades dos negócios atuais, visando o melhor retorno custo x benefício de seus clientes. Não é à toa que muitas startups falecem com menos de 2 anos de vida, impactando diretamente na sua rede de clientes. Alguns projetos de big data, desde a implantação ao amadurecimento e retorno máximo de resultados ao cliente, podem levar um prazo maior do que isso.

Algum último comentário que queira fazer para os leitores da VendaMais?

Trabalhem sua prospecção de novos clientes de forma inteligente. Aproveite o melhor que a tecnologia de big data oferece. Desta forma, você será mais assertivo em suas ações de venda e os resultados positivos levarão menos tempo para acontecer. Caso queiram conhecer um pouco mais sobre soluções de big data para prospecção inteligente de leads B2B, basta contatar o comercial da upLexis.

Para saber mais

Leia também: